terça-feira, 6 de janeiro de 2009

Apontamentos às "dicas de como melhor gerir o tempo" - I

um
Faça uma coisa de cada vez


Numa sociedade em que somos forçados a ser "multi, poli, pluri" a recomendação façamos uma coisa de cada vez torna-se quase impraticável, se tomarmos o conselho ao pé da letra.

O problema, evidentemente, não está nos prefixos latinos e gregos (multi e pluri - latinos; poli - grego), a indicar multiplicidade, mas na fragmentação e simultaneidade das atividades cotidianas.  Não é o "fazer muitas coisas", mas fazê-las "ao mesmo tempo" ou próximo disso...

Caso consigamos nos disciplinar (e aos outros), façamos isso, pois é salutar. 

Se nos importamos com as opiniões alheias, isso pode, inclusive, indicar autodomínio... E isso não é pouco, se traduzirmos este estado por:

. ser senhor de si mesmo; ter pleno controle sobre as forças do tempo (e do espaço) à sua volta...

Manoel de Barros, poeta matogrossense, é um exemplar Senhor de Suas Horas. Entoca-se pela manhã em seu escritório e passa por lá largas horas ensimesmado, escrevendo e dialogando um sem-número de autores e obras.  

O exercício intelectual e/ou artístico exige, na maioria das ocasiões, estes tempos e espaços sob-domínio-exclusivo-de-si-mesmo...

Esse tempo não há de ser simplesmente aquele reservado-em-um-espaço-apropriado, mas mormente aquele em que há estações de semeadura, de contemplação, de colheita, de passeio, de descanso das paisagens lá de fora e cá de dentro.

Se o façamos uma coisa de cada vez nos remeter a todas estas estações, mais as do ganha-pão, então faremos côro ao autor-desconhecido, pois sabemos o quanto é produtivo, por exemplo, nos concentrarmos em nada-fazer-a-não-ser-deixar-o-olhar-vagar-sem-rumo ou passear-sem-rumo-nenhum-prontos-a-fazer-descobertas-as-mais-surpreendentes...

Para refrescar a memória, as indicações de como gerir o tempo são:

1. Faça uma coisa de cada vez
2. Estabeleça claramente suas prioridades
3. Saiba dizer não
4. Reserve grandes blocos de tempo para as atividades
5. Lembre-se sempre da lei de Murphy
6. Faça tudo para não ter que recomeçar uma tarefa
7. Espere o inesperado
8. Tome as decisões. Não deixe que as pressões o façam
9. Delegue tudo que puder
10. Cumpra a agenda (com flexibilidade)
11. Desenvolva a autodisciplina
12. Lembre-se: um lugar para cada coisa e cada coisa em seu lugar.

Um comentário:

helena disse...

É verdade, pois quando falamos em fazer "uma coisa de cada vez" pensamos somente no trabalho, nos estudos e nunca pensamos em simplesmente não fazer nada, ou melhor apenas parar para meditar, olhar o pôr do sol, sair caminhando sem rumo, obsrvando cada pequena coisa ao nosso redor, estas coisas parecem bobas, fúteis, mas no fundo são estas coisas "bobas e fúteis" que nos dão forças para seguirmos nossa vida tentando sermos pluri, pois, olha, se existe uma coisa que tenho tentado ser é isto, casa, filhos, trabalho, problemas, estudos, família,,,,puxa.....pluri ainda é pouco...Porém os momentos de "fazer nada" é que fazem com que eu recupere as minhas forças......